Informações


cirurgia-da-mao-fev18-noticia-3

Reabilitação pós cirurgia de Contratura de Dupuytren

A doença de Dupuytren acomete a aponeurose palmar e vários componentes da fáscia digital, causando uma deformidade em flexão dos dedos da mão.

A reabilitação com terapeuta da mão ou terapeuta ocupacional após a cirurgia é de extrema importância para restaurar a função máxima da mão, visando manter a extensão dos dedos conseguida no pós-cirúrgico.

É iniciada geralmente na primeira semana de pós-operatório, exceto nos casos de enxerto de pele, sendo realizada uma avaliação e por meio de técnicas, o tratamento compõe o uso de órtese confeccionada sob medida, cuidados com a ferida, controle do edema e cicatriz, exercícios de amplitude de movimento dos dedos ativa/passiva e fortalecimento muscular.

A órtese é essencial para manter os dedos em extensão após a cirurgia, e após a cicatrização ainda é interessante o uso noturno por alguns meses. O controle do edema é feito com massagem retrógrada (drenagem) do membro para um prognóstico satisfatório, e são utilizadas técnicas de massagem cicatricial após a retirada dos pontos para evitar aderência e fibrose, preservando o deslizamento das estruturas durante a movimentação dos dedos.

Alguns exercícios da terapia são passados para casa, que deverão ser executados de hora em hora, e por volta da 4° a 6° semana inicia-se o programa de fortalecimento.

A reabilitação precoce auxilia o paciente a obter independência nas atividades funcionais e para retorno ao trabalho.